Siga-nos no:
Associação Humanitária
Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo
/
ÚLTIMAS:
    desc imagemdesc imagemdesc imagemdesc imagemdesc imagemdesc imagemdesc imagem
    Assembleia Geral

     

    CORPOS SOCIAIS 2015/2017

     

         MESA DA ASSEMBLEIA GERAL

    Sócio n.º

    Cargo

    Nome

    193

    Presidente

    Miguel Ângelo de Sousa e Sá

    396

    Vice-Presidente

    José Manuel Rodrigues de Oliveira Valença

    1982

    Secretário

    José Torcato Meira Marques

    1070

    Suplente

    Fernando Miguel Silva Lourenço Brázio

    395

    Suplente

    Ilídio Passos Ribeiro

     

    DIREÇÃO

    Sócio n.º

    Cargo

    Nome

    370

    Presidente

    Luciano José Quintas Moure

    997

    Vice-Presidente

    José Alberto Viana Salgado de Carvalho

    528

    1.º Secretário

    João Carlos Rodrigues Borlido

    1767

    Secretário Adjunto

    Teresa Maria Balinha da Cunha Dias

    977

    Tesoureiro

    Manuel Justino Vieira da Silva

    377

    Vogal

    Cândido José Maciel de Carvalho

    1356

    Vogal

    Manuel de Jesus da Costa Oliveira

    2325

    Suplente

    Hugo de Mesquita Moreira Gomes

    323

    Suplente

    António Rui Viana Fernandes Ponte

     

    CONSELHO FISCAL

    Sócio n.º

    Cargo

    Nome

    211

    Presidente

    António Meira Teixeira

    2185

    Vice-Presidente

    Joaquim José Peres Escaleira

    790

    Secretário-Relator

    Ricardo Viana Felgueiras

    483

    Suplente

    Romeu Cardoso de Carvalho

    1612

    Suplente

    José Correia da Rocha

     

     

     

     

     

     

     

    RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2015

     

    INTRODUÇÃO

     

    A Direção da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Viana do Castelo, cumprindo o preceituado nos seus Estatutos, elaborou e vem apresentar o presente Relatório e Contas da Gerência do ano de 2015, dando-lhe a devida publicidade através do seu sítio na internet bem como por outros meios disponíveis e submetendo-o, com o Parecer do Conselho Fiscal, à superior apreciação dos Dignos Associados.

    Acompanhando uma conjuntura desfavorável, a gestão do ano de 2015 foi pautada por princípios de manutenção das fontes de receita e muita contenção nas despesas sem, contudo, descurar alguma possibilidade de investimento gerador de receita e, portanto, tornar-se auto-sustentável.

    De uma forma muito sumária, poderemos afirmar que o Plano de Ação previsto no ano transato foi claro e objetivamente cumprido tendo, sido ultrapassado em muitos aspetos na medida em que foi possível concretizar algumas ações e projetos, aproveitando oportunidades surgidas.

    Distribuídas por diversas áreas de intervenção, passaremos a identificar algumas das principais atividades/projetos levados a efeito no decurso de 2015 sempre orientados para os objetivos estratégicos que assumimos e nortearam a nossa ação, que relembramos:
    • Dotar e manter o corpo operacional de bombeiros dos meios materiais e formação técnica para o cabal desempenho da missão que lhes cabe;
    • Intervenção nos processos internos para redução de custos e aumento da eficiência global da organização;
    • Promover o estabelecimento de parcerias quer no âmbito do sistema de proteção civil quer fora dele;
    • Promover o estabelecimento de parcerias que tragam benefícios aos associados;
    • Promover novas formas de financiamento da instituição.

     

    1. ÁREA OPERACIONAL

     

    • Com vista a melhorar as condições de segurança dos elementos do Corpo de Bombeiros, continuamos a adquirir diversos equipamentos que do ponto de vista operacional se tornam indispensáveis e que cumprem os requisitos mínimos de utilização;
    • Foram realizadas as verificações anuais necessárias dos equipamentos de intervenção e proteção;
    • Foram instalados sistemas de GPS nos veículos operacionais que ainda não dispunham deste equipamento e melhorados os que já existiam;
    • Apoio financeiro e logístico a ações de formação do Corpo de Bombeiros e funcionários;
    1. INSTALAÇÕES E EQUIPAMENTOS

     

    • Reparação de carpintaria e calhas no expositor de rua;
    • Reparações elétricas no edifício da Associação e Parque de Estacionamento.
    • Colocação de interruptores automáticos na escadaria e corredor, com colocação de lâmpadas de baixo consumo (leds)

     

    1. ÁREA ASSOCIATIVA, CULTURAL E RECREATIVA

     

    • Continuação da colaboração institucional com o Instituto de Reinserção Social disponibilizando os serviços da Associação para campo de trabalho a favor da comunidade por parte de arguidos a cumprirem pena por ordem do Tribunal;
    • Comemoramos o 134º Aniversário da Associação com diversas atividades, destacando-se a entrega de condecorações a elementos do Corpo de Bombeiros;
    • Realizamos o jantar de Natal do Corpo de Bombeiros e seus familiares e Corpos Sociais da nossa instituição;
    • Continuamos com o programa de divulgação à população dos serviços do Centro de Enfermagem pelas freguesias do concelho de Viana do Castelo;
    • Foram promovidos vários eventos de interesse geral, não tendo em todos eles sido atingidos os principais objetivos, aguardamos que no futuro a nossa massa associativa esteja mais presente;

     

    1. ÁREA COMERCIAL

     

    • Continuam em curso os diversos contactos com as diversas Entidades bem como Presidente da Segurança Social de Viana do Castelo, serviços camarários e alguns Presidentes de Juntas de Freguesia do nosso concelho para avaliação das possibilidades da Associação em criar algumas atividades, com financiamento institucional, de apoio a alguns sectores da população mais desfavorecidos e com maiores carências de natureza social, como sejam idosos, deficientes, entre outros.
    • Melhoramento das infraestruturas do Parque de Estacionamento da Associação sito no Hospital de Santa Luzia de Viana do Castelo - ULSAM.:

     

    1. ÁREA ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA

     

    • Continuamos com a inventariação do património da Associação.
    • Conclui-se com êxito a Certificação de Qualidade do Serviço de: Transporte de Doentes urgentes, emergentes e não urgentes, por via terrestre;
    • Continuação de processos de renegociação de prestação de serviços e aquisição de produtos;
    • Procedemos à renovação e implementação de novos impressos para uso interno, menor quantidade de impressos, mais abrangentes e bem preparados, tudo na continuidade de modernização no âmbito de melhoria e qualidade;

     

     

    1. ESTATISTICA – MEIOS E RESULTADOS

    Pessoal Profissional

    31/12/2015

    Função

     

    Género

    Totais

     

     

    Homens

    Mulheres

     

    Motoristas

     

    06

    02

    08

     

    Maqueiros

     

    03

    0

    03

     

    Mecânico

     

    01

    0

    01

     

    Administrativas

     

    0

    03

    03

     

    Socorristas TAS

     

    01

    01

    02

     

    Enfermeiro/Bombeiro

     

    0

    04

    04

     

    Operadores Comunicações

     

    0

    04

    04

     

    Técnicas de Limpeza

     

    0

    02

    02

     

    Vigilantes

     

    03

    0

    03

     

    Bombeiro

     

    04

    01

    05

     

    TOTAL

     

    18

    17

    35

     

     

     

     

     

     

     

     

    Mapa de Viaturas

     

    SIGLA

    Tipo

    Matrícula

    Data Matrícula

    ABTD 01

    Ambulância

    51-OQ-36

    02/05/2014

    ABTD 02

    Ambulância

    85-59-LP

    05/08/1998

    ABTD 03

    Ambulância

    84-09-ZV

    03/05/2005

    ADTD 04

    Ambulância

    78-79-ZX

    14/05/2005

    ABTD 06

    Ambulância

    87-19-RS

    01-06-2001

    VTPG 01

    Ambulância

    66-12-NI

    13/05/1999

    ABTM 02

    Ambulância

    82-IN - 04

    02/07/2009

    ABTM 04

    Ambulância

    64-46-XM

    17/12/2009

    ABSC 01

    Ambulância

    99-JD-10

    14/05/2010

    ABCS 02

    Ambulância

    32-NZ-91

    23/10/2013

    ABSC 03

    Ambulância

    08-67-QA

    18/07/2000

    INEM 01

    Ambulância

    83-PV-93

    18/05/2015

    VETA 01

    Apoio Logístico

    11-29-IA

    18/02/1997

    VP30 01

    Auto-Escada

    SP-48-86

    23/09/1981

    BSRS

    Barco Semi-rígido salvamentos

    2496CM5

    29/07/2008

    VSAE

     Desencarceramento

    90-HV-56

    02/07/2009

    VFCI 01

    Combate a Incêndios

    11-73-DQ

    06/05/1994

    VFCI 02

    Combate a Incêndios

    66-99-OG

    14/10/1999

    VFCI 03

    Combate a Incêndios

    QR-02-58

    27/04/1989

    VUCI

    Combate a Incêndios

    51-AU-86

    04/11/2005

    VTTU 01

    Combate a Incêndios

    40-99-JE

    20/11/1997

    VLCI

    Combate a Incêndios

    66-NT-18

    19/06/2013

    AC

    Viatura Museu

    PS-13-33

    1942

    Haynnes

    Viatura Museu

    MM-15-77

    1920

    Bomba Braçal

    Viatura Museu

    -

    1881

    VCOT 01

    Comando

    90-20-JT

    19/03/1998

    VOPE 02

    Posto Móvel Enf.

    62-59-GR

    15/05/1996

     

     

     

    Condecorações

     

    Medalha de Serviços Distintos - Grau Cobre

     

    - Augusto Oliveira Gonçalves (Augusto Canário - Cantor e Músico).

    Participação e organização de forma regular de eventos culturais com vista à angariação de fundos para aquisição de equipamentos de socorro e proteção individual para o Corpo de Bombeiros e obras de beneficiação do edifício sede.

     

    - David Fernandes Lourenço, Enfermeiro;

    - Maria Manuela Machado, Atleta, Campeã Olímpica;

    - Leandro Freitas, Agente Principal da Polícia de Segurança Pública.

    Participação e organização de forma regular eventos desportivos com vista à angariação de fundos para aquisição de equipamentos de socorro e proteção individual para o Corpo de Bombeiros e obras de beneficiação do edifício sede.

     

    - Maria da Conceição Morgado Gonçalves Ribeiro Viana Barbosa, (Médica de Medicina no Trabalho - Saúde Ocupacional)

    Prestação gratuita de serviço especializado de Medicina Ocupacional aos profissionais da nossa Associação.

     

     

     

    Medalha de Assiduidade - 5 anos - Grau Cobre

    Nome

    N.º Mec.

    Categoria

    Data Admissão

    Ana Cláudia Marques do Carmo

    20009046

    Estagiário

    12-02-2010

    Rúben André Neiva Costa

    20008367

    Estagiário

    04-01-2010

     

     

     

     

    Medalha de Assiduidade - 10 anos - Grau Prata

    Nome

    N.º Mec.

    Categoria

    Data Admissão

    Manuel Alves Fernandes

    16050002

    Bomb. 3ª. Classe

    10-01-2005

    Medalha de Assiduidade - 15 anos - Grau Ouro

    Nome

    N.º Mec.

    Categoria

    Data Admissão

    David Fernandes Lourenço

    13000057

    Of. Bomb. 2ª. Sup. 

    19-01-2000

    Marco Silva Lopes

    13991430

    Bomb. 2ª. Classe

    19-11-1999

    Jaime Fernandes Veiga

    13990897

    Bomb. 3ª. Classe Sup.

    05-07-1999

    Medalha de Dedicação - 25 anos - Grau Ouro

    Nome

    N.º Mec.

    Categoria

    Data Admissão

    Paula Raquel Rodrigues Passos Silva

    13900233

    Bomb. 3ª. Classe Sup.

    26-04-1990

     

     

     

    CONTA DE GERÊNCIA  

     

     

     

    CONCLUSÕES

     

    Havendo sempre uma preocupação com as condições de trabalho do Corpo de Bombeiros e a segurança, não deixa de haver um empenho numa acção de contenção de despesas.

    O resultado líquido é negativo em 100.743.32 euros, mas os resultados operacionais são positivos em 1.661.40 euros. Apesar de ter havido um aumento de encargos em alguns sectores (pessoal), também se verificou um crescimento na prestação de serviços, para o que se destaca o seguinte comparativamente a 2014:

    - a prestação de serviços de saúde teve um acréscimo de 17.8%

    - a receita do parque automóvel aumentou em 6.5%

    - as despesas com reparação de viaturas foram inferiores em 24%

    - as despesas com reparações de outros bens foram inferiores em 27%

    - os encargos com pessoal aumentaram  5,6%

    Em 2015 foram admitidos 1 enfermeira e 3 bombeiros devido ao aumento dos serviços de medicalizados e o contrato celebrado com o Agrupamento de Escolas da Abelheira para o transporte de crianças com mobilidade reduzida e deficiência mental.

    Apesar de ter sido um ano difícil, a direção da AHBVVC, não deixa de exprimir o seu reconhecimento a todo o pessoal e colaboradores da nossa instituição pelo empenho e esforço na realização de objetivos definidos, e se dúvidas existissem, não seria possível atingir estes números deveras significativos, a citar; em 2015 fizeram-se 8.664 serviços, movimentaram-se 8.972 viaturas, foram usados 17.401 voluntários, prestaram-se cerca de 16.850 horas de trabalho, e percorreram-se 542.000 km.

     

     

    A DIRECÇÃO

     

     

     

     

     

    © 2019 AHBVVC - todos os direitos reservados.

    Serviços administrativos
    258 800 844


    Central atendimento   emergência e serviços
    258 800 840



    Posto enfermagem